TOP 7: Personagens Femininas de Comics

Escrito por Lu

Ainda há muito para se avançar com relação à representatividade feminina nos quadrinhos, mas o mercado está avançando, hoje esse nicho deixou de ser algo exclusivo para o público masculino e já temos personagens maravilhosas que são sucesso mundo afora, e essa foi a minha inspiração para o post de hoje em homenagem ao dia da mulher.

BeFunky Design (6).png

7º – Peggy Carter:

Nos quadrinhos, Margaret “Peggy” Carter ou Agente 13 como também era chamada possui histórias diferentes, mas basicamente era uma agente da Strategic Scientific Reserve (SSR) durante a segunda guerra mundial e durante missões conheceu Steve Rogers, mas a moça foi raptada, perdeu a memória e só a recobrou quando ficou idosa.

Já na série Peggy, originalmente Britânica, é independente e poderosa, porém se vê obrigada a desistir dos seus sonhos ao ser pressionada para se casar e constituir uma família, como uma dama da sociedade. Após seu irmão falecer ela abandona o casamento aceita o convite da Special Operations Executive seguindo um conselho que o mesmo deixou para ela antes de morrer.

tumblr_nkbiyc6h951tq4of6o1_500

Peggy não age como a sociedade impõe muito pelo contrário, ela tem pensamento próprio e defende aquilo pelo qual se vale acreditar, é mais ágil que cinco espiões da SSR juntos e mesmo trabalhando num ambiente dominado por homens consegue se destacar brilhantemente, resumindo, ela não tem poderes mas é simplesmente badass.

BeFunky Design

6º – Thor:

Jane Foster sempre foi personagem importante nas histórias do Deus do Trovão, mas o que poucos imaginavam é que um dia, ela tomaria o Mjolnir para si após o filho de Odin se tornar indigno para levantar o martelo.

A nova fase exalta a igualdade de gênero ao mostrar que uma humana pode exercer a função que antes era de um Deus e também retrata a luta de Jane que é uma super-heroína, mas quando retorna a forma humana precisar lidar com o Câncer de mama.

O motivo dessa mudança é a base de novos leitores ser formada principalmente por mulheres, ou seja, em parte comercial, mas é um passo a frente na representatividade.

E não, Jane não é apenas uma versão feminina do Thor é basicamente, Thor.

BeFunky Design (2)

5º –Barbara Gordon:

Filha de James Gordon (sim o da série Gotham) e sua ex-mulher Barbara (sim, você não viu a série de forma errada), a personagem que leva o mesmo nome da mãe ficou conhecida como a Batgirl, ela se tornou bastante popular entre os leitores na época, fazendo que ela aparecesse em diversas outras histórias.

Em Batman: A Piada Mortal, a Batgirl fica paraplégica ao levar um tiro de Coringa, alguns especulam que ela tenha sido abusada após o acontecido, vendo sua situação, Barbara abandona a posição de super-heroína. Posteriormente ela se torna o Oráculo a fim de ajudar as pessoas com sua inteligência, memória fotográfica e seus conhecimentos em tecnologia. Já com sua nova identidade ela chega a integrar o Esquadrão Suicida (alô Warner) e também forma um grupo com super-heroínas para serem suas agentes, o Aves de Rapina.

Na fase dos novos 52 várias histórias foram reiniciadas, nela Barbara voltou a andar e a ser a Batgirl, porém, a fase Oráculo continua sendo uma das mais importantes e mais queridas da personagem, por causa de sua representatividade.

BeFunky Design (3)

4º –Tempestade:

Ao perder seus pais em um acidente aéreo, Tempestade, descendente de uma antiga linha de sacerdotisas africanas, vagou até o Cairo onde conheceu o mestre ladrão Achmed El-Gibar, quem lhe deu um lar e a treinou para ser ladra e foi furtando que ela conheceu Charles Xavier que depois a recrutou para os X-Men.

Ao abandonar os X-Men para ficar um tempo na Africa, Ororo reencontra uma antiga paixão, o atual rei de Wakanda, T’challa conhecido como Pantera Negra (!!!!) os dois se casam fato que divide opiniões entre a população do país e os seus colegas de equipe. Os dois acabam se separando e ela retorna aos X-Men (triste).

Tempestade tem a habilidade de controlar o tempo, influenciar o clima, temperaturas, liberar ondas de choque, a mulher é demais! Mas sua importância vai muito além dos poderes, o fato dela ser africana, negra e poderosa é maravilhoso, é muito bom e importante ter uma personagem feminina como ela tendo esse destaque.

BeFunky Design (1)
3º –Miss Marvel:

Kamala é uma adolescente Paquistanesa Americana que embora respeite sua herança possui pais rígidos que não aceitam as influências do American Way of Life em sua vida.

Após fugir de casa para ir a uma festa a garota é pega pela Névoa Terrígena e devido a sua linhagem Inumana, Kamala tem uma visão de Carol Danvers a castigando por desobedecer a seus pais e a mesma pergunta o que ela quer na vida, a resposta de Kamala foi: “Eu quero ser você.” A visão desaparece e ao acordar Khan percebe que ganhou poderes e se torna a nova Miss Marvel.

Gente como a gente, Kamala é fã de quadrinhos, ama os Vingadores, e até escreve fics! Sua coleção está sendo bem avaliada por diversos críticos e com certeza foi uma jogada certa da Marvel.

BeFunky Design (4)
2º –Capitã Marvel:

Carol Danvers é a mais velha de três filhos em um lar tradicional em Boston, ela nunca se sentiu aceita por seu pai já que ele acreditava que as mulheres eram inferiores aos homens. Ao fazer 18 anos Danvers abandona a família e entra para a Força Aérea Americana.

Após ser exposta à tecnologia da raça alienígena Kree, ela ganhou poderes sobre-humanos, como super força e habilidade, se tornando a Miss Marvel. O posto de Capitã Marvel veio depois quando seu interesse amoroso (O Capitão Marvel) morre e mesmo depois de muito resistir ela aceita o legado.

Danvers superou o machismo dentro de casa, atua frequentemente a favor de suas amigas, está na lista dos personagens mais poderosos da Marvel e leva no nome a marca de um nicho que por muito tempo era ligada apenas aos homens, é verdadeiramente um ícone feminino na luta por igualdade no mundo dos quadrinhos.

BeFunky Design (5)
1º – Mulher Maravilha:

A Princesa e Embaixadora das Amazonas da Ilha Paraíso, foi mandada a Terra para propagar a paz, defender a verdade e a vida além de ser o firmamento, entre os mortais e os deuses. Diana foi a primeira heroína da DC Comics e rapidamente se popularizou entre o público.

Nos anos 70, a personagem passou por mudanças, ela renegou seus poderes para ficar com Steve Trevor, já que as Amazonas não podem se relacionar com homens, posteriormente seu amado morreu e assim Diana aprendeu a lutar para se defender e teve que conquistar sua independência. Além disso, como heroína a deusa é uma das personagens mais poderosas da DC Comics, tendo a capacidade de derrotar o Superman (o que não é mostrado com frequência claro…).

Quando o assunto é a presença feminina em quadrinhos a Mulher Maravilha é sem dúvida uma das primeiras personagens que se vem à mente, ela foi a pioneira e graças a ela hoje temos uma gama enorme de heroínas em que podemos nos inspirar.

20632437

“A Mulher-Maravilha é a propaganda psicológica para o novo tipo de mulher que, creio eu, deve governar o mundo.” William Moulton Marston

Sim, eu deixei alguma personagens incríveis de fora 😦 mas se eu falasse de todas eu levaria uma eternidade para finalizar o post. Agora matem uma curiosidade minha, vocês tem uma heroína preferida? Me contem nos comentários!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s