BEDA: Resenha Vida e Morte de Stephenie Meyer

Nome: Vida e Morte
Autor: Stephenie Meyer
Editora: Intrínseca
Páginas: 391
Avaliação:3 estrelas

Eu estava para postar essa resenha há muito tempo, mas por algum motivo eu acabei nunca postando. Sei que o hype do livro já passou, mas mesmo assim, hoje, finalmente resolvi falar o que achei dele.

Em 2015, a saga Crepúsculo completou 10 anos, e para comemorar, Stephenie Meyer lançou Vida e Morte, que é a história de Crepúsculo de uma nova maneira, onde quase todos os personagens tem seus sexos trocados.

15057785_980381418740524_1091204807_n

Os únicos personagens que continuam os mesmos foram Charlie e Renee pois, como Meyer explicou, na época em que os dois se separaram era raro (e ainda é, diga-se de passagem) o pai ter a guarda do bebê. Este foi um detalhe que achei muito bem pensado em relação ao contexto da história. Ela também explica que nesse livro teve a chance de mudar alguns detalhes que a incomodava.

Nossos protagonistas agora são Beau e Edythe, e acho que não preciso fazer uma sinopse, pois vocês já conhecem a história.

Eu amo a saga Crepúsculo e ela teve grande importância em minha vida como leitora, então, claro que fiquei animada quando soube da notícia do novo livro e comprei assim que saiu e o devorei. Sério, eu não conseguia parar de ler. Porém, apesar de a história ser quase a mesma, foi uma experiência completamente diferente.

15086460_980382025407130_1029777997_n

Quando li Crepúsculo, eu tinha 12 anos. Ao ler Vida e Morte, com 19 eu tive uma visão totalmente diferente, e com a mentalidade que tenho hoje, algumas partes do livro realmente me incomodaram. Como quando Edythe conta a Beau que gosta de o observar dormindo. Eu só conseguia pensar em como aquilo era extremamente problemático, principalmente por Beau só sentir vergonha do que ela escutava ele dizer e não com o fato de que ELA INVADIA SUA CASA PARA VÊ-LO DORMINDO!

O tempo todo eu comparava o que achei nas duas vezes em li, e fiquei impressionada como, na época, com toda a minha inocência, eu não achava essas cenas nada demais. Como se fosse normal, e até mesmo romântico. Mas que agora, eu considero doentio.

Apesar disso, a leitura foi divertida e me trouxe uma grande nostalgia. Amei poder revisitar o cenário e os personagens, mesmo que de uma maneira diferente. Se você também ama a saga, vale a pena ler Vida e Morte.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s